Aulas de inglês: com que idade começar?

Mesmo convencidos da importância de aprender inglês na infância, muitos pais ainda têm dúvidas de qual o melhor momento para as crianças começarem a estudar uma segunda língua. Para ajudar nessa decisão, respondemos aqui as dúvidas mais comuns sobre o assunto:

Qual a melhor idade para aprender uma nova língua?

Nós, pais, costumamos ser um pouco ansiosos mas, no caso da aprendizagem de um novo idioma, a pressa tem respaldo científico. Quanto mais cedo as crianças começarem, melhor! O processo de aprendizado é mais natural, fácil e prazeroso na infância. Além disso, as crianças têm maior capacidade para distinguir e reproduzir fonemas, o que faz a pronúncia ficar mais perfeita.

Mas aprender um novo idioma na infância pode atrapalhar o aprendizado da primeira língua?

Não. Aprender uma língua adicional na infância traz benefícios de ordem cognitiva, pois melhora a capacidade de concentração, memorização e raciocínio, além de promover a estimulação natural das conexões cerebrais. Traz também benefícios de ordem afetiva, pois aumenta a autoestima. Estudos demonstram que alunos que estudam uma segunda língua pontuam mais alto em testes de uma forma geral.

Meu filho começou a estudar inglês e está misturando palavras em português e inglês, isso é comum?

Sim, faz parte do processo natural de aprendizado de uma segunda língua e é totalmente esperado – significa inclusive que o aluno está aprendendo de forma correta. Quando o aluno “internaliza” uma palavra do novo idioma, ele acaba usando a palavra no seu dia a dia e pode formar frases misturando. Com o tempo, a criança aprende a usar cada idioma separadamente.

Para quem está pesquisando sobre cursos de inglês para os filhos, vale a pena saber mais sobre The Kids Club, com aulas para crianças a partir dos 2 anos de idade. Fomos convidadas a conhecer a franquia e achamos a metodologia bem interessante.

O método foi desenvolvido na Inglaterra em 1986 pela pedagoga e mãe Linda Ellis. Ao ensinar francês para sua filha e algumas amigas, ela ficou surpresa com a facilidade e eficiência com que as crianças aprendiam através do método que ela havia desenvolvido e decidiu criar um programa para os alunos aprenderem de forma natural, “sem perceber”. O sucesso foi tão grande que o negócio cresceu e hoje é uma franquia mundial. No Brasil, são mais de 100 franquias espalhadas por todo o país.

Através de jogos, músicas, dramatizações em inglês, os professores do The Kids Club criam uma aula descontraída e motivadora, totalmente inserida no universo infantil. Como consequência da exposição natural do idioma, as crianças passam a usá-lo para se comunicar, como se estivesse aprendendo sua primeira língua.

 

publi

Postagem anterior
A cantora Pink faz festa da irmã mais velha para a filha e a gente amou a ideia
Próxima postagem
Agenda de Carnaval Infantil no Rio 2017

Sem Comentários

Envie uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

Voltar
COMPARTILHAR

Aulas de inglês: com que idade começar?