Mãe na cozinha Receitas

Receitas para o almoço de Páscoa

Por
Publicado em: 28 de março de 2014

Sexta-feira da paixão era sempre meio dramática na minha família. Meu cunhado não comia nada de frutos do mar, minhas sobrinhas pré-adolescentes resolveram imitá-lo ainda pequenas (pra desespero da minha irmã), minha mãe sempre querendo companhia prum bacalhau que só minha irmã come com ela, eu sempre querendo fazer camarão, que minha mãe passou a ter alergia. Resumindo: eram muitos mini pratos e um trabalhão do cão.

Esse ano recebi a boa notícia de que meu cunhado passou a comer alguma coisa de peixe, as sobrinhas também – sabores suaves. A alergia ao camarão ainda rola, mas todo mundo topou comer uma torta de bacalhau com a minha mãe e então vamos conseguir diminuir o número de pratos, o que tornará o meu dia de cozinheira mais feliz.

As receitas principais já foram selecionadas e eu queria compartilhar com vocês. A primeira eu peguei do site Mixirica, uma mousseline de peixe com batata baroa (que ela, paulistana, chama de mandioquinha) e um pudim de bacalhau, receita da minha vó.  Boa Páscoa.

 

Ramequins de mousseline

Mousseline:
- 300g de peixe limpo, à escolha
- 250ml de creme de leite light
- 1 dente de alho
- 1 clara de ovo
- raspas da casca de 1 limão
- sal

Bata tudo no liquidificador ou processador e reserve.

Purê 1:
- 2 mandioquinhas
- 2 colheres de sopa de leite
- 1 colher de sopa de requeijão
- sal

Cozinhe as mandioquinhas até amolecerem, esmague-as em purê e misture os outros ingredientes.

Purê 2:
- 2 cenouras
- 1 colher de sopa de leite
- 1/2 colher de sopa de requeijão
- sal e pimenta

Faça como o primeiro purê. Se a cenoura soltar muita água, volte ao fogo depois de pronto para secar.

Feitos os purês e a mousseline, divida entre 4 ramequins uma camada de mousseline, uma de purê de cenoura e por cima de tudo o purê de mandioquinha. Leve em banho-maria ao forno, preaquecido em médio-baixo, por cerca de 40 minutos.

 

Pudim de bacalhau

1 kg  de bacalhau 
1 kg  batata(s) 
3   cebola(s) 
4   tomate(s) 
6   ovo(s) 
2 xícara(s)  farinha de trigo 
200 g  azeitona(s) verde 
200 g  ervilhas congeladas 
200 ml  azeite de oliva 
2 xícara(s)  milho verde em conserva 
cheiro verde 

 Em uma panela com água, cozinhar o bacalhau, após dessalgar, sem peles e espinhas por 15 minutos. Em seguida, desfazer o bacalhau em pequenos pedaços. Reservar.  Amassar as batatas, já cozidas, e acrescentar os tomates picados, cebolas e cheiro verde. Bater os ovos durante três minutos e depois misturar com o bacalhau e as batatas amassadas. Acrescentar, aos poucos, a farinha de trigo até formar uma massa homogênea. Adicionar as azeitonas picadas, as ervilhas, o milho e o azeite. Misturar muito bem. Colocar a massa em forma untada com azeite. Assar no banho-maria em forno médio, por cerca de 1 hora.

 

Imagem destacada: Estevam Romera

2 Respostas para “Receitas para o almoço de Páscoa”

  1. Tamara

    Camila, li a questão das suas sobrinhas imitando o seu cunhado e gelei. Por aqui, meu marido é vegetariano (ok, peixetariano) e moooorrrrrooooo de medo dos nosso (futuros) filhos não comerem carne!

    Responder
    • Camila Camila

      Tamara não tem jeito. Filhos copiam pais, porque somos os maiores exemplos. O ideal é que a gente consiga melhorar o nosso próprio estilo de vida, pra que eles consigam se espelhar na gente, né? Mas pensa que seu marido vai ser uma ótima fonte de introdução de legumes, verduras e grãos na vida dos seus futuros filhotes. E, se for o seu desejo que ele consuma carne, olha aí o seu papel :) Beijo

      Responder

Deixe seu comentário